Serviços – Empresa Júnior

Serviços – Empresa Júnior

Apresentação

A Empresa Júnior da Faculdade Barretos tem a satisfação de apresentar-lhe nosso estatuto. Um modelo atualizado, baseado em nossa realidade, que foi criado em 1999, com o objetivo de expandir o Movimento Empresa Júnior e garantir um padrão de qualidade.

Em virtude da necessidade de adequação, face às mudanças de mercado, tornou-se mais uma vez necessária a sua revisão neste ano de 2015. É válido ressaltar, a Empresa Junior possui uma função orientadora e, por isso, sempre terá o acompanhamento do conselho de professores.

Essas informações preliminares básicas são necessárias para entendimento  de uma Empresa Júnior, colocamo-nos à sua inteira disposição para posteriores esclarecimentos.

A EMPRESA JÚNIOR, HISTÓRICO E SEUS OBJETIVOS

O que é Empresa Júnior?

A Empresa Júnior é uma Associação Civil sem fins lucrativos formada e gerida por estudantes, que visa a capacitação humana e profissional dos seus membros através da prestação de serviços de assessoria empresarial e da vivência de uma pequena empresa.

Ambiente profissional, onde o estudante procura desfrutar a vida universitária intensamente, aprendendo a colocar os sonhos em prática.

Qual a sua trajetória?

A Empresa Júnior surgiu em 1969, na França, através de um grupo de estudantes, visando suprir algumas deficiências da grade curricular do curso de Administração. A concepção deste modelo de empresa se propunha a aplicação dos conhecimentos teóricos à prática. A idéia foi trazida ao Brasil pela Câmara Franco-brasileira, em 1989, tendo sido constituída a primeira Empresa Júnior, Fundação Getúlio Vargas – FGV . A Empresa Júnior ADM – UFBA foi a segunda criada na país e a primeira do Estado da Bahia, o que aconteceu no dia 03 de outubro de 1989.

Quais são os seus objetivos?

  • Fazer com que seus membros apliquem na prática os conhecimentos teóricos relativos a formação profissional;
  • Colocar seus membros em caráter de treinamento no mercado, com a devida orientação técnica e profissional de orientadores;
  • Elaborar estudos e relatórios sobre assuntos específicos da sua área de atuação;
  • Assessorar a implantação das soluções indicadas para os problemas diagnosticados;
  • Valorizar os alunos e professores junto ao meio acadêmico, profissional e social;
  • Formar uma rede de contatos com estudantes, professores e profissionais;
  • Participar ativamente do movimento estudantil. 

LOGO-EMPRESA-JÚNIOR

Constituição
Estatuto